Autores da Rio Books

Aline Haluch 
Aline Haluch é designer e sócia do Studio Creamcrackers design, onde coordena a área de design editorial e ministra o workshop design editorial. Publicou o ensaio A Maçã - Renovação editorial na década de 1920 no livro O design brasileiro antes do design, organizado por Rafael Cardoso e editado pela CosacNaify.
Projetou centenas de capas de livros e tem desenvolvido publicações completas, entre elas o I Catálogo livre de teatro infantil (Aeroplano), O Teatro e eu (Tinta Negra), Alice - Edição Comentada (Zahar), Compras por impulso (2AB), além de ilustrar livros infantis, como A lenda do Alecrim e Fra, Fre, Fri, Fro, Fruta! (Escrita Fina).
Tem diariamente o desafio de compartilhar o amor pelo trabalho e por seus três amores: André, Tito e Miguel. Nasceu em Curitiba, em 1969, e mora no Rio de Janeiro desde 1996.

Anamaria de Moraes
Graduada em História e em Desenho Industrial, especialização em Ergonomia, mestrado em Engenharia de Produção e doutorado em Comunicação. Foi professora titular do Departamento de Artes e Design da PUC-Rio. Orientou dissertações e teses em Ergodesign e Usabilidade. Coordenou o LEUI Laboratório de Ergonomia e Usabilidade de Interfaces em Sistemas Humano-Tecnologia e dois cursos de Especialização da PUC-Rio: Especialização em Ergonomia; design de interfaces. Em 2006, durante o 16o World Congress Ergonomics, em Maastricht, the Netherlands recebeu o título de "Fellow" da IEA.

 
André Beltrão
André Beltrão é designer, graduado em Desenho Industrial pela PUC-Rio, onde também lecionou, e pós-graduado em Marketing pelo Ibmec/RJ (MBA executivo). Atualmente é professor no curso de design da UniverCidade e dirige o escritório carioca studio creamcrackers, onde coordena projetos de identidade visual, merchandising e embalagem.
Idealizou e coordenou os workshops do studio creamcrackers entre 2006 e 2008, onde ministrou o curso "Quanto Custa meu Design?" oito vezes. O curso foi oferecido também em congressos estudantis, como atividade oficial no 16o Ndesign, Brasília; no Sdesign, Vitória; na Charneira, Curitiba e na Semana de Design da UniverCidade, Rio. Esse workshop e as discussões que originou foram a base para o conteúdo deste livro.
 
André Stolarski
Considerado uma das mentes mais brilhantes no cenário do design brasileiro contemporâneo, é autor e tradutor de inúmeros textos e curador de exposições seminais sobre design. Atualmente é Coordenador de Comunicação da Fundação Bienal de São Paulo e integra o Conselho Consultivo da ADG Brasil – Associação dos Designers Gráficos, pela qual atuou nas comissões curatoriais da 8ª e da 9ª Bienal Brasileira de Design Gráfico, entre outras atividades. Em “Logotipo versus Logomarca”, assina o artigo inédito “Logomarca é fogo”, que fecha o livro. Mais informações em http://www.tecnopop.com.br
 
André Villas-Boas
Designer gráfico, Doutor em Comunicação e Cultura, é autor de diversos livros sobre design, além de artigos publicados em revistas científicas e de divulgação. É professor adjunto da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e pesquisador associado do Laboratório de Design, Cultura e Filosofia (LabCult) da Escola Superior de Desenho Industrial (Esdi/Uerj).

Beto Lima
Diretor de Arte e Designer Gráfico com 29 anos de mercado no Brasil e na Europa, membro do The Art Directors Club Of New York desde 1994, é sócio-diretor do STUDIO BETO LIMA Design & Comunicação. 
Graduado em Publicidade, Belas-Artes e em Comunicação Visual, cursou mestrado em Design na ESDI/ UERJ em 2008. Desde 2008, leciona o curso Gestão de Marcas/Branding na FACHA, e desde 2012 é professor no MBA de Branding pelas Faculdades Integradas Rio Branco, no Rio de Janeiro, na disciplina Identidade Visual e Ambientes.
 
Daniel B. Portugal
Designer gráfico pela UFRJ, mestre em Comunicação e Práticas de Consumo pela ESPM-SP e doutorando em Comunicação e Cultura na UFRJ. Atualmente é professor substituto no curso de Comunicação Visual / Design da UFRJ. Atua também como colunista do blog Filosofia do Design.

Daniella Rosito Michelena Munhoz
Daniella Rosito Michelena Munhoz é designer gráfica e professora.
Teve breve passagem pela publicidade e logo voltou ao caminho do design. Em 1999, após 10 anos de atividade profissional, ingressou na universidade como professora e ministrou diversas disciplinas nos cursos de design. Em 2000 foi membro do Conselho Temático do Design junto a FIEP - Federação das Indústrias do Paraná. Em 2008 ingressou como professora no curso de design da UFPR.
Paralelamente à atividade de design, atua como diretora de produção cinematográfica.
 
Bruno Porto
Organizador do livro e responsável pelo seu projeto gráfico, o designer é autor de outros títulos para as editoras 2AB, J.J. Carol e Taschen. Tem sido um dos nomes mais ativos na promoção da profissão no Brasil neste século, seja por sua atuação nas diretorias e conselhos das associações da qual é membro – ADG Brasil, Sociedade dos Ilustradores do Brasil, Adegraf e o Comitê Tipos Latinos – ou organizando e curando mostras e eventos de design em todo o país e no exterior. Seu texto “Nomenclatura: Para que simplificar se podemos confundir?” foi originalmente publicado na Revista ADG em 2003 e ampliado para o livro.
Mais informações em http://brunoporto.com

Caê Rodrigues
Jorge Caê Rodrigues é designer gráfico, formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Doutor em literatura comparada e professor universitário. Após quase duas décadas de atuação na área de projetos, passou a dar aulas em cursos técnicos e de graduação. A pesquisa acadêmica começou com o mestrado em design na PUC/RJ, do qual se originou "Anos fatais", sua dissertação.

Claudia Mont'Alvão
Cursou a graduação em Desenho Industrial pelo Centro Universitário da Cidade (1994), obtendo habilitação em projeto de Produto. É mestre e doutora em Engenharia de Transportes pela COPPE/UFRJ- Universidade Federal do Rio de Janeiro (1997 e 2001). Atualmente é professora assistente do Programa de Pós-graduação em Design na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, onde atua no ensino e pesquisa em ergonomia, e coordena o Laboratório de ergonomia e Usabilidade de Interfaces LEUI/ PUC-Rio. É membro da ABERGO (Associação Brasileira de Ergonomia) onde coordena o GT Acessibilidade e Desenho Universal, e da Human Factorsand Ergonomics Society, onde integra o TG Environmental Design.

Delano Rodrigues
Designer, professor e consultor de identidade de marca. Diretor nacional da ADG - Associação de Designers Gráficos do Brasil, gestão 2007-2009, é Mestre em Design pela PUC – Rio e MBA em Marketing. Desde 1997, leciona em cursos de Design e Comunicação, e em 2003 implantou a disciplina de Branding na PUC – Rio; já ministrou cursos de naming e Branding para empresas e instituições de ensino em todo o Brasil.
Foi articulista dos portais designbrasil.org.br e mundomarketing.com.br. Atualmente é professor do curso de Design da Universidade Federal do Maranhão e colaborador do CRIED do IED - Istituto Eupeo di Design. 

Gilberto Strunck
Gilberto Strunck é formado em Engenharia Civil pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, em Design pela ESDI - Escola Superior de Desenho Industrial, e é Mestre pela Escola de Comunicação da UFRJ. Autor dos livros "Identidade Visual, a Direção do Olhar", "Marca Registrada", "Viver de Design" e "Como Criar Identidades Visuais para Marcas de Sucesso", tem trabalhos publicados em livros, revistas e sites especializados no Brasil, na Suíça, no Japão, na Polônia, na Inglaterra e nos Estados Unidos, e vários projetos premiados. Realizou inúmeros projetos para empresas como Coca-Cola, Santander, Drogaria São Paulo, L'Oréal e Petrobras, entre outras. É Professor de Design da Escola de Belas Artes da UFRJ, Sócio-Diretor da DIA Comunicação (São Paulo, Rio e Fortaleza), Ex-Presidente da AMPRO - Associação de Marketing Promocional, Capítulo Rio (94/96) e do Popai - The Global Association for Marketing at Retail Brasil (98/2000), do qual é membro do Conselho Consultivo, do Global Leadership Counsil e certificado como Consultor em merchandising no Ponto de Venda.
 
Guilherme Sebastiany
Uma das principais referências no mercado brasileiro de branding, desenvolvimento de sistemas de identidade visual e estratégia de construção de marcas, leciona nos cursos de graduação e pós-graduação de algumas das principais instituições de ensino de Design e Moda em São Paulo. Seu texto “Logomarca? Por que sim e por que não” foi originalmente publicado no conceituado site Webinsider em 2009 e revisado especialmente para o livro.
Mais informações em http://www.sebastiany.com.br/
 
Ivan Mizanzuk
Formado em Design Gráfico pela PUC-PR, mestre em Ciências da Religião pela PUC-SP e doutorando em Tecnologia na UTFPR, com pesquisa focada na construção de discursos brasileiros de determinismo tecnológico no Design. Atua como professor na UniBrasil (Curitiba-PR) e PUC-PR nos cursos de Comunicação Social, Design e Arquitetura. É também um dos idealizadores do podcast AntiCast.

José Bessa
José Bessa é designer gráfico formado pela UniverCidade (RJ) e sócio do escritório Visorama Diversões Eletrônicas. Junto com o também designer Cláudio Reston, forma a dupla Elesbão & Haroldinho. A partir de 1998, os dois designers/personagens provocaram uma renovação na discussão sobre o design gráfico no país a partir da publicação do zine-manifesto Design de bolso.

José Guilherme Santa Rosa
Analista de sistemas, mestre em design pela PUC-RIO, na linha de pesquisa Ergonomia e usabilidade e Interação Humano-Computador e especialista em Computação Gráfi ca e Multimídia pela UERJ. Publicou artigos em congressos nacionais e internacionais e participou da equipe do Laboratório de Ergonomia e Usabilidade de Interfaces em Sistemas Humano-Tecnologia da PUC-RIO responsável pela tradução do Questionnaire for User Interaction Satisfaction, desenvolvido por Ben Shneiderman, na Universidade de Maryland. Atualmente dedica-se ao doutorado no Núcleo de Tecnologia Educacional para a Saúde- UFRJ e ao ensino de multimídia e interação humano-computador em cursos universitários de graduação e na especialização da PUC-RIO.

Licínio de Almeida Junior
Doutor em Design pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), onde é membro do Núcleo de Estudos Design-Linguagens-Transversalidade do Programa de Pós-Graduação em Design e mantém atividades de pesquisa e de co-orientação no mestrado. É também membro do Conselho Editorial do periódico digital TRÍADES em Revista. Atua na área de Comunicação Social da Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia-Brasil S.A. (TBG).
 
Luis Marcelo Mendes
Atuando de forma inovadora junto a empresas públicas e privadas em projetos de comunicação e branding, mídias digitais e ações promocionais, é autor da dupla de livros “O Fator VDM: um guia antidesastres em projetos criativos”, com versões para profissionais criativos e clientes, e organizador do eBook “Reprograme: Communication, Branding and Culture in a new era of museums”. Sua reflexão “Deixa isso pra lá” foi escrita especialmente para “Logotipo versus Logomarca”.
Mais informações em http://www.luismarcelomendes.com.br
 
Marcos Beccari
Designer gráfico e mestre em Design pela UFPR e doutorando em Educação na USP. Interessa-se por Filosofia, Psicologia e Comunicação, o que o levou a pesquisar sobre Filosofia do Design e a encarar o Design como articulação simbólica na mediação ficcional entre o sujeito e o real. Atualmente é professor de Design e Comunicação e coordena o blog Filosofia do Design, além de integrar o podcast AntiCast e colaborar com outros blogs/revistas de Design e comunicação.
 
Newton Cesar
Trabalhando desde 1987 como diretor de arte e de criação, é autor de mais de 15 livros, muitos dos quais se tornaram referência nos cursos e agências de publicidade de todo o país, como “Mídia impressa: Como fazer um anúncio de jornal e revista” e “Mídia eletrônica: A criação de comerciais para TV, rádio e internet” (ambos publicados pela 2AB Editora). O texto “A criação do logotipo” é retirado justamente de um de seus livros, o bestseller “Direção de Arte em Propaganda”, publicado pela Editora Senac – DF em 2006.

Pedro Luís Pereira de Souza
O Pedrão, é uma das personalidades mais fortes e lendárias do design brasileiro. Pensador orgânico, ele reúne neste volume reflexões desenvolvidas desde seus primeiros tempos na Esdi/Escola Superior de Desenho Industrial, na qual ingressou em 1968 como aluno, tornando-se professor e, posteriormente, ocupando sua direção.

Priscila Farias
Priscila L. Farias é designer gráfica pela FAAP e doutora em comunicação e semiótica pela PUC-SP. Atua como professora e pesquisadora na área de design e comunicação visual, e é autora de vários artigos sobre Tipografia, design e semiótica, publicados no Brasil e no exterior. Algumas de suas fontes tipográficas são distribuídas pela fundição digital norte-americana [T-26].

 
Renato Faccini
Designer e ilustrador carioca radicado em Curitiba, de onde atende grandes editoras e agências brasileiras de publicidade e design, além de empresas de games, brinquedos e quadrinhos na China, Estados Unidos e Europa. Mais informações em www.estabelecimento.com.br
 
Rodrigo Miguel
Rodrigodraw Miguel é MBA em Computação Gráfica e Multimídia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Desenhista Industrial, Consultor de Marketing e Professor Universitário. Tem formação estadunidense em modelagem 3D. Autor de Animação 3D, HQ e Games da 2AB Editora, lançado na Comic Com Rio de Janeiro. Publicou no mercado norte-americano de quadrinhos e estudou Character Design no Walt Disney Studios

Vera Nojima
Doutora em Arquitetura e Urbanismo pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAUUSP). É Professora Associada da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), onde exerce atividades de pesquisa, de docência e de orientação de dissertações e teses junto ao Programa de Pós-Graduação em Design. Coordena o Laboratório de Comunicação no Design (LabComDesign) e é responsável pelo Núcleo de Estudos Design-Linguagens-ransversalidade e pela editoria do periódico digital TRÍADES em Revista.

Vilma Villarouco
Graduada em Arquitetura pela Universidade Federal de Pernambuco (1983), concluiu mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal da Paraíba em 1997 e doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2001. Atualmente está lotada no Departamento de Expressão Gráfica da Universidade Federal de Pernambuco, e professora Adjunta IV desta instituição, onde integra o corpo docente do Programa de Pós-graduação em Design, tendo participado também do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção de 2002 a 2008. Líder do Grupo de Pesquisa em ergonomia Aplicada ao Ambiente Construído, concentra a maior parte dos seus trabalhos nesta temática.É membro da ABEPRO (Associação Brasileira de Engenharia de Produção) e da ABERGO (Associação Brasileira de Ergonomia) e coordenadora do GT ergonomia do Ambiente construído da ABERGO.